Os 100 primeiros dias da nova legislatura em Cabo Frio

Os cem primeiros dias da nova composição da Câmara Municipal de Cabo Frio foram marcados, guardadas as devidas exceções, pela "mesmice". Nesse período tivemos algumas atuações destacadas, mas de uma forma ampla, a nova Câmara não atendeu às expectativas dos munícipes.

0

Estamos chegando aos 100 dias da posse do novo prefeito e dos 17 vereadores eleitos no pleito de 15 de novembro do ano passado. Passado esse período, já é possível ter um parâmetro da atuação de cada parlamentar e também do novo governo. Neste artigo falaremos especialmente da nova legislatura, que tem ao todo 10 novos vereadores e 7 reeleitos.

SOBRE A “NOVA” CÂMARA

A chegada de uma nova legislatura e a mudança na composição do Poder Legislativo não significou, totalmente, uma transformação na conduta da Câmara enquanto instituição. A Casa do Povo segue, em muitas situações, acovardada diante das demandas populares e com um desempenho aquém do esperado pelos munícipes. Contudo, isso não diminui os esforços de alguns parlamentares – que infelizmente ainda são minoria – para realizar um mandato transparente, participativo e independente das amarras do poder. Isso, por si só, já é um avanço, ainda que pequeno.

OS DESTAQUES DA CÂMARA ATÉ O MOMENTO

Na humilde opinião do blogueiro que vos escreve, os vereadores que mais se destacaram em sua atuação até o presente momento foram: Roberto Jesus (MDB), Léo Mendes (DC), Carol Midori (DC), Vanderson Bento (PTB) e Davi Souza (PDT). Dentre esses, há alguns que compõem a base do Governo e outros que compõem a bancada oposicionista – no entanto, a análise se restringe ao desempenho parlamentar em si, no atendimento ao público, na apresentação de matérias, na fiscalização dos atos do Poder Executivo, na transparência e no posicionamento diante de questões importantes que são discutidas no cotidiano do cabo-friense.  Apesar de serem novatos no exercício da atividade parlamentar, é nítido o esforço dos mesmos em realizar um bom trabalho.

Esperamos que com o passar do tempo os vereadores citados possam se destacar ainda mais em suas funções, e que os demais possam mostrar a que vieram e modificar essa impressão “negativa” ( se é que podemos chamar assim ), do seu desempenho parlamentar. Fica a nossa torcida para que a Câmara possa surpreender nesta legislatura, e que o cabo-friense possa se orgulhar dos seus representantes eleitos.


[*EM TEMPO: esta é uma análise pessoal e retrata a realidade do momento baseada na minha convicção a respeito do trabalho dos dezessete vereadores do nosso município. Apesar de eu ter destacado o trabalho de apenas cinco dos dezessete vereadores, o intuito deste artigo não é diminuir em nada os outros doze, mas sim alertar para que se engajem mais em seus mandatos e façam valer a confiança depositada nas urnas]

Leave A Reply

Your email address will not be published.