Janio Mendes e Silas Bento são ‘apedrejados’ nas redes sociais

Só se ouve uma coisa sobre os dois: "TRAIDORES".

A correria cotidiana me impediu de comentar a mais tempo os últimos acontecimentos no Estado do Rio de Janeiro. A prisão de Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi – caciques do PMDB em nosso estado – pegou a todos de surpresa.

Contudo, o que mais surpreendeu mesmo a população foi a rápida movimentação para soltar os nobres parlamentares. Acusados de corrupção, lavagem de dinheiro e evasão de divisas, o trio não passou nem 24 horas na prisão. A Alerj convocou uma sessão extraordinária para revogar a decisão do TRF-2 (Tribunal Regional Federal da 2° Região). Na polêmica votação, venceu a impunidade. 39 votos a favor da revogação da prisão contra 19 pela manutenção da mesma.

Cabo Frio e toda a Região dos Lagos acompanharam com perplexidade o engajamento dos parlamentares da região, Janio Mendes, Silas Bento e Márcia Jeovani (respectivamente do PDT, PSDB e DEM) na estratégia para soltar os companheiros de parlamento. O assunto parou as redes sociais.

Levando em conta que estamos às portas das eleições de 2018, votar a favor do desgastado PMDB foi um tiro no pé. Eu mesmo confesso que me surpreendi, não esperava – principalmente de Silas Bento – tamanha traição ao povo.

É preciso que guardemos bem esses nomes e não nos esqueçamos deles na hora em que vierem pedir o seu voto. É tempo de passar o Brasil a limpo, e nomes que encabeçam, patrocinam e favorecem esquemas de corrupção e a impunidade não merecem fazer parte desse processo.

Registro aqui o meu repúdio e indignação.

Seguimos juntos por Cabo Frio, pela Região dos Lagos, por todo o Estado do Rio de Janeiro!

#DaviMatos #DM #VamosJuntosPorCaboFrio

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.